Os escritores da nova geração

Daí você lê o título do post e se pergunta "Como assim escritores da nova geração?" então, a nova geração = jovens e adolescentes, escritores, OBÉVEO, são pessoas que escrevem, né? Então, vim aqui pra falar dos escritores que a nova geração tá amando, curtindo e tal...
Caio Fernando de Abreu
 Então, pra mim, o Caio Fernando Abreu é o mais falado, e que todo mundo ama! Ou vai mesmo me dizer que você nunca ouviu falar numa frase dele? Nos seus textos e frases, Caio muitas vezes falava sobre amores, solidão, angustia, medos, mortes, e sempre com uma visão dramática do mundo... Estudou letras e artes cênicas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), mas, abandonou os cursos para trabalhar como jornalista de revistas de entretenimento, já trabalhou na famosa revista VEJA, já foi perseguido pelo Departamento de Ordem e Politica Social, e por este tempo de perseguição se refugiou em um sitio de uma amiga e foi morar na Europa. Em 1974, regressou a Porto Alegre - RS, em 1983, mudou-se para o Rio de Janeiro - RJ, e em 1985, para São Paulo - SP. Voltou a França em 1994, mas regressou para o Brasil no mesmo ano, ao descobrir-se portador do vírus HIV. Infelizmente, Caio veio a falecer do vírus HIV, no dia 25 de fevereiro de 1996(Sim! Mesmo dia que Mário de Andrade). Super chato saber que perdemos um grande escritor! :( Mas, mesmo falecido, as frases, livros e textos de Caio não foram esquecidas, ele deixou vários livros dos mais diversos tipos: contos, crônicas, romance, novela... Aqui são alguns desses livros: Limite Branco, romance; Morangos mofados, contos; As frangas, novela infanto-juvenil; Pequenas epifanias, crônicas... E muitos outros! 

Clarice Lispector
Outra grande escritora que vejo frases em todos os cantos, redes sociais e até no dia-a-dia, é Clarice Lispector, uma Ucraniana mais pra Brasileira, ahaha. Sim, Clarice era sim da Ucrânia, e era nacional da cidade Tchetchelnik, onde nasceu no dia 10 de dezembro de 1920, mas, veio para o Brasil apenas com dois meses de idade, e sempre dizia ser absolutamente brasileira, quando questionada sobre sua nacionalidade Clarice dizia sobre a Ucrânia "Naquela terra eu nunca pisei: fui carregada de colo"... Quando chegou ao Brasil, ficou em Maceió - AL, em março de 1922, mas logo se mudou para Recife - PE, Clarice estudou no Ginásio Pernambucano de 1932 a 1934, foi lá onde aprendeu a ler, e logo que aprendeu a ler, começou a escrever também, falava inglês e francês, sua mãe morreu quando Clarice tinha apenas 9 anos, em 1930, Clarice sofreu muito com a morte de sua mãe, tanto que vários textos da autora refletem o seu sentimento de culpa, e figuras de milagres que salvariam sua mãe. Quando tinha 15 anos ela, seu pai e sua irmã se mudaram para o Rio de Janeiro - RJ, Clarice estudou em uma escola primária da Tijuca, até ir para o curso preparatório para a Faculdade de Direito. Foi aceita na Universidade do Brasil, para cursar direito em 1939. Ficou frustrada com muitas teorias ensinadas no curso, então encontrou um refúgio: a literatura. Em março de 1940 publicou seu primeiro "Triunfo" na Revista Pan. Em setembro de 1966, provocara um incêndio ao dormir com um cigarro aceso, ficou hospitalizada por dois meses, sua mão quase fora amputada e Clarice ficou entre a vida e a morte. Depois disso, estreou seu conto "O ovo e a Galinha", Clarice levou o título de "a grande bruxa da literatura brasileira" por noticias falsas dizerem que ela apareceu em público vestida de preto e coberta de amuletos. Foi hospitalizada com cancer no ovário pouco tempo depois do lançamento do romance "A hora da estrela", e faleceu dia 9 de dezembro de 1977, um dia antes do seu aniversário. Clarice também deixou muitos livros, textos, e frases pra nós o mais conhecido é "A hora da estrela".

Prontinho, pra mim, estes são os dois autores mais conhecidos da nova geração! Que merecem todo nosso  respeito e admiração, não só pela suas palavras, mas pela bela história de vida de cada um. Abreijos broguetes!!!
                                                                                                                                      

3 comentários:

Sara Almeida disse...

Adorei saber de tudo isso adoro as frases dele, mas não tinha atentado pra pesquisar sobre a vida dele e vou procurar ler esses livros eu adorOo livros e teu blog tá lindo baby...

bjaum**

Lianne Bezerra disse...

Ah! Muito obrigada, Sara. De verdade!!! :) Fico muito feliz que tenha gostado, muito mesmo!

Lívia Pinheiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

Sobre!

Duas garotas que amam moda, tendências e que estão aqui, dispostas a levar até vocês, dicas de moda!

Broguetes! ♥

Visualizações do blog. ♥

Blogs favoritos

Tecnologia do Blogger.